sexta-feira, 11 de janeiro de 2008

Esta semana estava andando pelo centro da cidade quando um rapaz me entregou um papel. Ao ler, vi que dizia respeito ao aumento da passagem de ônibus em nosso estado, estava assinado pela UESPE (União dos Estudantes Secundaristas de Pernambuco); Ares ( Associação Recifense dos Estudantes Secundaristas); Ueso (União dos Estudantes Secundarista de Olinda); DA's de Engenharia Civil da UFPE e História da UFRPE e UJR (União da Juventude Rebelião).
Achei bastante interessante o tal do papel, então resolvi reproduzi-lo aqui para ficar aberto um debate.


"AUMENTO DE PASSAGEM É ROUBO - Governo do estado, Prefeituras e empresários querem aumentar a passagem de ônibus
Apesar dos dois últimos aumentos de passagem de ônibus serem questionados na justiça, o Governo do estado (PSB) junto com as Prefeituras de Olinda (PCdoB), Recife(PT) e demais da região metropolitana, se reúnem hoje com os empresários do transporte no Centro de Convenções para decidir o tamanho da facada no bolso dos trabahadores e estudantes de Pernambuco com um novo aumento nas tarifas de transporte.
O governador Eduardo Campos (PSB) - que durante sua campanha eleitoral anunciou redução das passagens - e as prefeituras que se dizem populares, arquitetaram esse aumento pensando nas gordas doações de campanha dos empresários do transporte para seus candidatos nas eleições 2008.
Dilson Peixoto (PT), presidente da EMTU e candidato que recebeu doações dos donos de empresas de ônibus nas eleições 2006, ao ver se aproximar as eleições municipais diz ser inevitável o aumento e calcula o novo reajuste em 8,04%, o que representa R$0,13 no anel A e R$0,20 no anel B. Ao fim do mês, um trabalhado que pega dois ônibus de segunda a sexta para ir ao serviço ou para procurar emprego vai gastar R$86,50 no anel A e R$132,25 no anel B. Para cada filho que precise ir de ônibus para a escola deverá gastar mais de R$42,75 no anel A e se for no anel B R$66,32! Ao fim do mês, um trabalhador que tem dois filhos deverá gastar R$172,00 somente com passagem de ônibus.
Mas, apesar da generosidade do Governo do estado e da EMTU, os ricaços donos de ônibus ainda querem mais, se depender deles o aumento pode ser ainda maior. Segundo os empresários, o aumento deveria ser de 28,13%, saltando o anel A para R$2,05!
A EMTU e os empresários convocam o conselho de transporte nas férias escolares numa clara tentativa de impedir as mobilizações estudantis como as de 2005. Por isso convocamos a população da Região Metropolitana e os estudantes a não aceitar mais esse abuso dos empresários nem a traição das promessas de campanha do governador do estado. Nenhum centavo de aumento!"
Pelo visto as promessas de campanha continuam não sendo cumpridas...Olhos Abertos ;)

8 comentários:

Camila L. L. disse...

Issó é realmente revoltante! Daqui a pouco os ônibus vão perder seu caráter popular e virar táxis alargados...

As desculpas para o aumento variam de "desde o começo do governo, em 2006, que a passagem devia ser aumentada" até "pelo menos o aumento foi de 8,59% em vez dos 28,13% que as empresas de ônibus queriam".
Imaginem se o governador não tivesse prometido a redução das passagens em campanha!

Vamos ver se ele consegue reverter isso e cumprir a promessa até o fim do mandato (a esperança é a última que morre!).

Celso... disse...

Nesse caso, a esperança já ta perto de morrer Camila...

Vocês ja pararam para pensar que isso pode até ser "bom" pra uma futura "jogada politica" do nosso atual governador???

O que eu quero dizer é o seguinte:
ele fez uma promessa de redução da taxa do transporte público.
Se os valores aumentam agora, inicio do mandato dele, ele pode muito bem deixar elas subirem e mais a frente, no fim do mandato, reduzir os valores
com um "falso cumprimento de promessa"

A massa eleitoral já vai ter tido tempo suficiente de se "esquecer", um grande mal do brasileiro, e com isso ele tira proveito da situação e sai dela como político digno, honesto, com principios e moral...

Para mim, esse aumento só é mais um ato da "políticagem" que acontece no nosso país.

É triste ver que poucos se mobilizam diante das atuais circunstacias...


ps: "políticagem" neologismo. política + sacanagem.

Sam! disse...

Como celso disse a esperança está perto de morrer...
Já que a promessa do governador passou a ser uma mentira. Uma mentira que vai fazer pernambucanos entrar em sufoco para tirar mais dinheiro do bolso.
E o engraçado é que os nossos bolsos continuam recebendo as mesmas quantia. Cade aumentar o salario minino também?? Não é obvio? se tiram mais do povo, deveriamos receber mais! Pena que na politica o certo quase nunca é feito!

Thaís disse...

O engraçado, é que os trabalhadores(um dos mais prejudicados) não se mobilizam para tentar pressionar as autoridades competentes... Então, continua a mesma inércia de sempre. Comer, dormir e assistir TV... ou "beber, cair e levantar" ¬¬

Celso... disse...

Souberam da manifestação da UNE?
teve pouquissima repercusão
a midia meio q "abafou"

podemos pensar em nos mobilizar diante da situação
uma vez q ela afeta diretamente nós, os estudantes, que utilizamente os transportes públicos.

agora claro, nada com mt pressa, e sim organização.

ReD disse...

o problema dos trabalhadores , é uq faz eles trabalhadores ( o trabalho) imagina ai ; o chefe nao vo amanha ao trabalhopos irei para um movimento.
:)
va pergunta a um cidadao que trabalha de domingo a domingo de 6h ate as 22h , se ele topa pegar o dia de folga dele para ir em um movimento.

Camila L. L. disse...

verdade...
que bom então que os estudantes (ainda não tão pressionados e limitados por horários e obrigações monetárias) estão se mobilizando, né?

ReD disse...

sim sim... pelomenos isso ^^